sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Viver com simplicidade!


Estudar, trabalhar, passear, namorar, cuidar da família, ter a casa organizada, cuidar das contas, manter a aparência cuidada, divertir-se, ter responsabilidade...

Corremos, corremos e corremos! Aprendemos a buscar pelo sucesso sempre! Seja na vida profissional, seja na vida pessoal... Todos querem ser bem sucedidos!

Mas e tempo para correr atrás de tudo isso?

Vivemos na era do consuma isso, faça aquilo, não perca isso e arrume tempo para tudo! SE VIRE, MAS DÊ CONTA DE TUDO!!!

E muitas vezes, na ânsia de dar conta de tudo, perdemos o mais precioso de todas essas atividades... O contato consigo mesmo!

Afinal, de que adianta ganhar o mundo e todas as suas conquistas, chegar ao que chamamos “sucesso”, se para isso corremos o risco de nos perder de nós mesmos?

Esquecemos-nos de viver!! E muitas vezes, apenas fazemos coisas... Sem sentir!

Certa vez um cliente me disse que, mesmo tendo dinheiro para ir trabalhar de carro todos os dias, dois ou três dias da semana optava por ir para o trabalho a pé! E, diga-se de passagem, morava bem longe do trabalho. Quando o questionei sobre suas razões para isso, me disse que se não fizesse isso, perdia a oportunidade de olhar para tudo o que tinha na rua, incluindo as árvores em seu caminho, as pessoas que passavam por ali, e como as mudanças aconteciam de uma semana pra outra!

Quantos de nós fazemos isso? Isso me supreendeu na epoca em que me contou, da mesma forma que me emociona até hoje... Afinal de contas, um exemplo de alguem que vive a vida ao invés de correr com ela sempre nos faz parar e refletir...

Na verdade, aprendemos que o complicado é mais elaborado, mais interessante, e muito mais sofisticado!!! E aí, claro, aprendemos que o natural é complicar e, que para ser bom tudo tem que ser complicado!! Mas será mesmo que isso funciona?

Até quando?? Perdemos qualidade de vida vivendo assim!!

Quando vamos nos atentar para a graça de um passeio no parque, de um sorvete de casquinha num dia de verão com os filhos, de um momento para assistir televisão e não ter que pensar em nada??

Quando vamos nos lembrar que muitas vezes um simples telefonema ajuda a nos sentirmos especiais para alguém, e que apesar de ser uma delicia ganhar um super presente, o carinho é o mais rico de todas as surpresas e que nada supre?

A verdade é que só depende do valor que damos ao que fazemos, e assim, se dermos grande peso apenas ao que é grandioso, a chance de sofrermos fica imensa, pois conquistar coisas assim demanda tempo e energia... Quando alcançamos, nem sempre temos tempo e energia para curtir a conquista tão sonhada!!

Será que não dá pra simplificar pra sermos mais felizes???

4 comentários:

  1. Olá Patrícia, tudo bem?

    Tenho sentido tudo isso na pele... Mesmo assim, faço o possível para reservar nem que seja uma pequena parte do tempo fazendo coisas simples que curto muito...

    Tento seguir o exemplo do seu cliente.
    O problema é que a demanda de responsabilidades acabam nos consumindo de tal forma, não é?

    O pior é que corporativamente falando, se não cumprimos o solicitado corremos riscos que não sabemos onde vai dar... Então, em nome da "Lei da Sobrevivência" deixamos muitas coisas "nossas" por fazer.

    Freud explica: Somos feitos de carne, mas temos de viver como se fôssemos de ferro.

    Acho que é mais ou menos isso.

    Super abraço!

    ResponderExcluir
  2. OI silvia...

    Concordo contigo que somos levados a agir assim, até como uma questão de sobrevivencia!! POrém, também acho que se não pararmos pra refletirmos sobre isso, nunca vamos conseguir por um fim neste ciclo!!!

    Pensar sobre já é um bom começo não é mesmo?! Só assim saberemos qual é o nosso limite...

    Um beijo grande

    ResponderExcluir
  3. Oi Paty, bom acordar e ler isso, para fazer da minha semana algo diferente !!!!
    adorei

    obrigada por você ser a Patricia Galante

    beijo no coração

    ResponderExcluir
  4. Concordo com o q vc disse...Ás vezes a vida está tão corrida que nos esquecemos do principal: viver.

    ResponderExcluir

Obrigada por me deixar seu recado!!