quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Pensar enlouquece...

Ouvi dizer que pensar enlouquece!! Aliás, ouço isso de pessoas que buscam por si mesmas quase todos os dias, e que, apesar de entenderem que pensar é o único caminho que as levará ao que procuram, ainda assim acreditam que PENSAR ENLOUQUECE!

Normal!! O caminho do pensamento nos leva por devaneios e mais devaneios. Por vezes nos perdemos mais ainda, nos encontramos e voltamos a nos perder! Tudo isso para nos acharmos novamente. Parece mesmo que pensar enlouquece...

Um processo contínuo de encontros e perdas, mas que nunca volta ao mesmo ponto. Afinal, o que perdemos em nós está em constante transformação, e por isso, o que encontramos já não se trata mais da mesma coisa que deixamos esquecido.

Acho que a associação com a loucura talvez venha do fato de ser um processo sem fim, de nem sempre ser algo esclarecedor e carecer de diversos devaneios para que cheguemos a algum ponto (isso quando chegamos)! Mas ainda assim, pensar é o que nos mantém realizando, nos mantém em busca constante do novo para a renovação e da elaboração do velho para reencontrar a graça e o brilho no que já foi bom!

Talvez então, o correto não seja dizer que pensar enlouquece, mas sim entender que pensar esgota! E como esgota...

É o tipo de cansaço mais pesado que somos capazes de sentir. Pois o cansaço físico se cura com cama e uma boa noite de sono, já o cansaço mental e emocional, precisa de muito carinho em si mesmo para que ele se apazigúe.

Mas enfim, se pensar é o fator determinante para o enlouquecimento, o que dizer então do sentir? Será um forte aliado no caminho da loucura, ou ainda é o que nos mantém sãos?

Pensamos no que sentimos, no que podemos sentir, no que gostaríamos de sentir... Pensamos também no que não sentimos, no que não somos capazes de sentir e no que gostaríamos de não sentir nunca!!

Uma boa mistura de fatores propícios ao enlouquecimento: pensar e pensar no que se sente!
Não... Pensar e sentir não leva a loucura! Pensar e sentir nos leva ao que temos de bom, nos leva a experimentarmos, nos leva a arriscarmos e a agir diante do que nos dá prazer. Também nos leva a prudência, ao amadurecimento, a responsabilidade de nossas atitudes e dos sentimentos que oferecemos ao mundo!

Pensar e sentir nos levam a sermos cada dia mais humanos... Aprimorando-nos, nos fortalecendo, nos construindo e reconstruindo!!

Viver sem pensar é como refeição sem sobremesa, como praia sem mar, como namoro sem abraço! Viver sem sentir é como trabalhar por obrigação, namorar por protocolos da sociedade, como engravidar só pra ter o filho, mas sem se dar conta do que foi preciso pra que isso acontecesse.

Viver implica constantemente em auto-analise... Auto-analise implica constantemente em pensar e sentir algo com isso!

Enfim... processos indissolúveis que só quem está vivendo é capaz de passar!

Já pra quem continua acreditando que pensar enlouquece, que pena... Infelizmente vão levar mais tempo pra descobrir qual pode ser a graça disso tudo e talvez até desperdiçar um tempo precioso de satisfação! Mas um dia todo mundo chega lá...

7 comentários:

  1. Patricia muito bom! Adorei, ainda bem que não enlouquece pensar e sentir!!!hahhah
    bjos cleane

    ResponderExcluir
  2. Valeu a muito a pena ler e pensar amiga, adorei... bjs Ale

    ResponderExcluir
  3. Boa noite, meu nome é Sérgio achei o artigo muito interessante, pois tento me entender a muito tempo, eu penso 24horas por dia, mais não consigo mais lidar com isso, de qualquer forma Obrigado

    sergio_2100@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. Sergio, primeiramente seja bem vindo!!!
    Pensar faz parte do ser humano... e acho mesmo que deixar de pensar pode significar um incomodo maior. O que precisa tentar trazer para sua vida é formas de lidar com o que pensa, e assim tornar tudo isso mais leve.

    Que bom te-lo por aqui... Vamos trocar novas idéias e quem sabe conseguimos silenciar um pouco esta mente tão trabalhadora!!!

    Um abraço

    ResponderExcluir
  5. Oi Patricia mais uma vez obrigado pela atenção,
    não entendo tão bem desse assunto como você que é uma profissional, contudo você há de convir que os grandes pensadores ( aqueles que usaram mais um pouco do qi)nunca foram muito ajustados no que se refere a sanidade padrão, e existem exemplos fáceis: Dostoiévski, freud, Platão entre outros, é obvio que não me comparo a eles mais minha vida acho que seria um bom estudo para uma tese ou até mesmo um livro bem escrito de duas facetas de uma mesma pessoa, um ser Humano simples e um pensador incansável, mais com dois lados com pesos iguais o positivo e o negativo, um abraço e que Deus lhe abençoe.....

    Sérgio

    ResponderExcluir
  6. Faça uma experiência: Comece a pensar sem parar antes de dormir e veja se consegue adormecer. Nossa mente faz das coisas simples uma novela, projetamos coisas sobre a realidade com nossos pensamentos, transformamos um mosquito num dragão. A mente nos controla, não somos nós que a controlamos. Por isso todos os mestres recomendam a meditação...para controlar o ruído interno...Experimente...

    ResponderExcluir
  7. Eu não tenho costume de escrever e nem responder a artigos e textos que eu encontro na internet, vivo muitas vezes como um espectador e esponja. Olho, observo e absorvo tudo oque vejo, leio e encontro na internet. Digiro e busco separar oque me interessa e oque certamente me faz bem. As vezes me canso disso, de viver a margem de tudo, como uma coruja por entre arbustos em um jardim. Há muito procuro por palavras que me ajudem a aceitar a compreensão de mim mesmo. Me esgoto muitas vezes procurando sozinho entender oque se passa ao meu redor e com a minha vida, a relação que tomo com os meus próximos e "distantes". Me sinto as vezes afogado em mim mesmo, sem folego pra continuar nadando nesse profundo oceano que é a minha mente, muitas vezes acabo por me deixar boiar. Não sei nem o por que de estar escrevendo tanto assim, nem sei se ainda olham as mensagens desse blog. No entendo desejo assim deixar minha gratidão. Obrigado mesmo. Não sei te explicar como suas palavras me fizeram sentir um pouco melhor. Ótimo texto. Abraço.

    ResponderExcluir

Obrigada por me deixar seu recado!!