quarta-feira, 26 de maio de 2010

O que todo mundo quer?

Nos dias de hoje todo mundo quer tanta coisa...

O carro do ano, um super hiper mega emprego, aquele salário de cinco ou seis dígitos, viajar e conhecer todo o mundo, andar na moda, fazer passeios inesquecíveis, duas férias por ano, festas, muitas festas... Ser uma pessoa querida por todos, querer bem a todos. Ter êxito em tudo o que faz e não fracassar nunca. Uma saúde melhor, mais energia e disposição para realizar novas atividades, ser uma pessoa de alto astral e que cativa as pessoas ao seu redor. Ter um grande amor, ou resgatar algum que já perdeu...

Enfim... Muitas pessoas querendo muitas coisas ao mesmo tempo! Escuto muito a frase “Todo mundo quer ser feliz”! Será mesmo?

Tente olhar bem dentro do seu coração e responda pra si em primeiro lugar... O que VOCÊ quer? Quais são os seus desejos mais íntimos e profundos?

Será que sabemos a todo o momento o queremos? Será mesmo tão fácil essa resposta?

Acredito que não seja mesmo uma resposta que sai de maneira natural. Justamente porque temos muitos desejos de coisas, matérias. Mas os desejos de momentos e sentimentos nem sempre são valorizados e cuidados para se buscar a realização.

Quando dizemos que todo mundo quer ser feliz, nos esquecemos que em primeiro lugar é preciso definir o que é essa felicidade, o que te faz ou faria feliz em cada momento da vida. Daí surge então outra pergunta... Será que essa felicidade é algo estático, e assim o que te fez feliz ontem será a mesma coisa que te fará feliz amanha?

É preciso levar em consideração que somos seres em constantes transformações, e por conta disso, nossos desejos, sonhos, ideais e sentimentos se modificam também a cada estalar de dedos. Por isso claro que não somos felizes o tempo todo com as mesmas coisas... Nada que proporcione prazer dura para sempre, e por isso que o que queremos também não pode durar.

Oras, então se somos inconstantes, se mudamos de interesses e sentimentos com uma alta freqüência, é melhor não querer nada nunca para não se frustrar?

Claro que não!! Querer é ótimo, sonhar é maravilhoso e desejar nos torna mais motivado. No entanto, é o que fazemos com essas possibilidades que fazem as coisas valerem à pena ou não.

Querer é um passo para movimentar-se. Até porque, a maioria de nós aprende desde muito cedo que só desejar não nos faz possuir absolutamente nada. Já a mistura de desejar e fazer acontecer, pode enfim trazer essa tão esperada satisfação.

Note que não importa de fato o que todo mundo quer, pois sonhos foram feitos para serem sonhados e sentimentos para serem experimentados. O que é capaz de fazer a diferença é buscar e perguntar e responder rotineiramente O QUE VOCÊ QUER?


7 comentários:

  1. Nossa...
    ... me colocou para pensar sim e olha que acredito ser muito clara comigo mesmo no que quero.

    e principalmente o que me faz feliz.

    Uma coisa eu tenho certeza, estou em constante movimentação pois quero várias coisas, mas tem um detalhe que eu coloco sempre: Deus eu quero, dai-me se for de meu merecimento, não estou falando só do material não.

    É dificil, mas aprendi, o tempo Dele, não é o tempo nosso, a porta fechada e a abertura de outras oportunidades, enfim....

    gostei de ler isso !
    obrigada por compartilhar
    beijo no coração
    KItty

    ResponderExcluir
  2. É verdade, a pergunta é cabeluda porem necessaria, faze-la constantemente causara certamente um maior conhecimento de nós mesmos.
    Eta menina danada, fica fazendo a gente pensar.
    Beijos, mami

    ResponderExcluir
  3. Eu vou me permitir acrescentar uma idéia que considero muito importante ao "querer".

    Devemos desejar diversas coisas. E devemos saber lidar com a frustração de não conseguir realizar alguns destes desejos, por mais que se tenha trabalhado para torná-los realidade.

    A equação desejo + ação = realização não se concretiza sempre. E é preciso entender que isso não acontecerá sempre e que isso não é motivo para baixar a cabeça~. É motivo para absorver a experiência da ação tomada e utilizar essa frustração como ferramenta para obter sucesso em outras empreitadas.

    Eu acredito na idéia de que a maioria das coisas que pensamos e tentamos tornar realidade ao longo da vida, serão frustradas. O que realmente importa são as vitórias, porque as derrotas serão inevitáveis.

    Eu acho que o medo da frustração torna a sua pergunta muito difícil de ser respondida, porque temos dificuldade em rebater uma outra pergunta: "Mas você não tinha dito que queria... ?"

    ResponderExcluir
  4. Realmente... os nossos desejos mudam, as nossas vontades mudam e quando atingimos nossos sonhos, começamos a sonhar com outra coisa, e assim seguimos a vida toda, muitas vezes, insatisfeitos com nossas conquistas, porque tendemos a querer sempre mais. Não que seja errado querer mais, mas na medida certa faz uma grande diferença ( e a medida certa de cada um eh diferente, e aí escreveria horas aqui, rs). A vida não é uma linha reta, ela tem seus altos e baixos, alegrias e desalentos, e é isso que faz ela ser VIDA, porque o que está parado, não tem movimento, é inerte, não possui vida... só sabemos o que é bom, porque temos o mau... só sabemos o que é alegria, porque também temos a tristeza, e costumo dizer que no sofrimento ( ou no não ter, no não conseguir) que aprendemos o quanto somos capazes de criar e recriar a nós e às nossas vontades...
    Lindo texto...amei este blog!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. Infelizmente nossa cultura nao abrange a teoria da impermanencia! Nada é permanente. Ocorrem mudanças o tempo todo e isso ja é motivo para nos transformar-mos a ponto de rever nossas escolhas, nossos parametros.


    Eu acredito q reescolher os rumos da vida é o segredo para acolher o que chega fora do "script", revelando que sempre poderemos escolher o q é melhor para a gente naquele momento, ja q nada é permanente ...

    Beijo fofa!

    PS: vou precisar ler esse blog todo dia!

    ResponderExcluir
  6. Antonio Carlos Caparroz (Jundiaí/SP)maio 29, 2010

    Interessantíssimo. Muitas perguntas desse blog eu me faço há anos.
    Porque temos que perder pessoas que amamos profundamente, num estalo de dedos, por um simples capricho de outros. Pessoas que se dizem inteligentes, espiritualizadas, estudiosas, com posições elevadas na sociedade. E quando mais confiamos nelas, acabam nos derrubando como se fossemos um simples pino de um jogo de boliche.
    Será que não existe nenhum sentimento dentro delas?
    Graças a Deus, mesmo nesse nosso conturbado mundo, a verdade sempre aparece, não importa o tempo que possa levar. Pena que, às vezes, tudo já tenha se modificado tanto, que não conseguimos mais resgatar aquela maravilhosa história linda, perfeita e verdadeira. Ficamos sem entender nada por um longo tempo, e quando descobrimos a razão, ficamos demasiadamente chocados e tristes, pela profunda pobreza de espírito de quem causou tudo isso. Lamentável...
    Se pudessemos voltar no tempo, eu juro que seguraria com as duas mãos e não permitiria que houvesse essa intromissão desagregadora.
    Tudo bem que nada que proporcione prazer dura para sempre, mas ser arrancado a 'Fórceps' também é exagero.
    É mesmo muito difícil lidar com a frustração, pelo menos para mim.

    ResponderExcluir
  7. ... interessante este texto, felicidade o que é?! para mim são coisas simples, não preciso de um salário de 6 dígitos, pois quanto mais temos mais queremos, pois esta é a natureza do coração humano alguns comparam o coração do homem a um poço profundo, quase impossivel de se preencher, mas existe algo concreto que pode preencher este vazio...
    ...mas voltando ao texto, o que motiva o ser humano é buscar coisas melhores ou piores, tudo depende de como está sua vida no momento, é esta sede que faz com que contuamos, objetivos é o que devemos ter, ou simplesmente deixar tudo e apenas aproveitar o momento de sei mesmo e de todos ao seu redor, pois nesta vida tudo passa, simplesmente não levamos nada consigo, apenas lembranças de um tempo que não volta mais, e o que nos resta em nossa velhice é lembrar dos tempos de nossa mocidade em que buscavamos as coisas com vigor, e agora apenas esperar em paz ao término desta etapa!!! Profundo não!!! que coisa, nosso coração é mesmo insaviável, e o interessante é que nossa barriga o acompanha também!!! Beijos de seu Marido que te ama muito, seus textos são ótimos!!! Nunca pensei em me casar com uma escritora e acabei ganhando uma por tabela!!! Deus te abençoe!!!

    ResponderExcluir

Obrigada por me deixar seu recado!!